Letra - Nakuzanga | Yola Araújo


Yola Araújo - Nakuzanga | Letra


Falam tão mal da filha alheia
Parece que eu nasce só para sofrer
E não percebo a vossa ideia
(humm é dore)
Baby até só moça séria
O que nós temos não estão a entender
Onde não há fogo metem lenha
(humm é amore)

Lá me chamam de rafeira
No bairro só oiço a me chamarem rafeira
Tudo porque tu me escolheste a primeira
No bairro só oiço a me chamarem rafeira

Yami, nakuzanga
Yami nakuzanga
Cuxi nyi bunga riame cassendo wame, nakuzanga

Nakuzanga, yami nakuzanga
Tchixe nyi bulonga ngunazangue yena, nakuzanga

Hummm Avô
O que contavas hoje estou a entender
Hummm Avô
O que dizias hoje estou a ver
Quando falavas que andar é saber e amar é sofrer
As invejosas estão a cobiçar e inventar que eu roubei

Lá me chamam de rafeira
No bairro só oiço a me chamarem rafeira
Tudo porque tu me escolheste a primeira
No bairro só oiço a me chamarem rafeira

Yelele lele oh, nakuzanga
Yami nakuzanga
Cuxi nyi bunga riame cassendo wame, nakuzanga

Nakuzanga, yami nakuzanga
Tchixe nyi bulonga ngunazangue yena, nakuzanga

Lá me chamam de rafeira
No bairro só oiço a me chamarem rafeira
Tudo porque tu me escolheste a primeira
No bairro só oiço a me chamarem rafeira

Tão a patinar
(yelele)
Elas estão a patinar
(yelele)
Tão a patinar
(yelele)
Querem ter o meu lugar
(yelele)
(2X)

Nakuzanga
Yami nakuzanga
Cuxi nyi bunga riame cassendo wame, nakuzanga

Nakuzanga, yami nakuzanga
Tchixe nyi bulonga ngunazangue yena, nakuzanga
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook
Tecnologia do Blogger.